• Rodrigo Lancia

O peso da vida não me deixa agir


Constantemente nos vemos carregando grandes problemas ou até mesmo grandes provações em nossa vida.


Seja uma dificuldade financeira, seja um problema no relacionamento, seja um problema na saúde, ou até mesmo todos eles juntos, de uma vez só... nos vemos sem saída e muitas vezes desistimos diante a essas grandes dificuldades, ou até mesmo paramos nossa vida.


Muitas dessas "provações" podem vir com um aprendizado profundo e, na maioria das vezes, essa lição é te mostrar que você é o "Senhor do seu Destino". No texto de hoje abordo a visão de mundo onde nos colocamos como vítimas de uma situação, como se não houvesse outra solução a não ser levar pancadas na cabeça.


Na vida sempre houveram, desde o momento que nascemos, adversidades. Essas adversidades, por mais difícil que possam parecer sempre vem com um ensinamento escondido. Mas o que seria esse ensinamento?


O Ensinamento escondido em nossos desafios são nossos Karmas. Devido a nossas ações, pensamentos e sentimentos que tivemos e fizemos nessa e em outras vidas, temos, dentro de nossa história encarnatória uma série de aprendizados, manifestações do Universo que vem com o objetivo de quebrar nossas cascas e nos abrir para uma nova vida.

A grande questão aqui é quando esses karmas não são vistos como aprendizados e paramos apenas na problemática que eles nos trazem, iniciamos nosso processo de sofrimento.


Esse entendimento de que o Karma é aprendizado não é muito difundido no Ocidente, inclusive muito pouco se é falado sobre problemas e aprendizados. Esse entendimento de karma vem do Oriente, que nos mostra uma compensação Universal de nossas práticas, garantindo assim nosso equilíbrio. Os que estudam karma muitas vezes acreditam que karmas específicos são para a vida toda, mas posso garantir para vocês, esses são a minoria. A maioria dos karmas são passageiros, lições esperando ser aprendidas, como explico nesse vídeo.


Hoje sofremos pois aprendemos que é uma das poucas saídas diante de um desafio, sofremos porque aprendemos a sofrer e esperar passar. Muitos de nós entendemos que Deus nos pune por que estamos sendo pessoas "malvadas" e por aí vai.


Diante dessas punições divinas e universais, nós mesmos nos colocamos como vitimas de uma situação e a partir daí, recuamos, acuados dentro de nossa toca, onde é seguro e onde conhecemos. Mas será que é isso mesmo que a vida quer da gente? Será que a vida é só sofrimento?

Longe de mim trazer verdades únicas aqui, mas é importante pensar no nosso papel diante dos revezes da vida e realmente pensar: Por que isso me afetou tanto?

A partir dessa pergunta, podemos buscar na nossa mente o real motivo de ter se abalado tanto com algum desafio e conseguimos, através do auto conhecimento, nos libertar e respirar novamente.


Padrões negativos mentais, crenças familiares, desequilíbrios energéticos pontuais potencializam cada vez mais esse estado de inércia, colocando uma nuvem pesada em cima de nosso corpo, de nossa mente e de nosso espírito.


Hoje, graças a muitos estudos e muitos canalizadores e pesquisadores de técnicas, conseguimos através das terapias holísticas auxiliar nesse processo de auto conhecimento e promover o grande equilíbrio que o ser humano tanto precisa.

A chave de tudo está no equilíbrio. Se está vibrando no sofrimento, não está equilibrado.


Desejo que você encontre Luz e Força dentro de suas lições de vida e que entenda que a felicidade é o aprendizado escondido em cada karma.

Um forte abraço.

Rodrigo





8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Solidão