• Rodrigo Lancia

Missão de Vida



Quando eu era mais novo, tinha uma pessoa doente na minha família e meus pais me falaram para ir a uma missa. Eu, na missa, fui de coração aberto e durante a palestra do padre eu ouvi as seguintes palavras: "não adianta rezar por ninguém... neste mundo, é cada um por si."


Ouvindo isto, me decepcionei com a instituição religiosa e resolvi não frequentar mais. Meio que coloquei a religião de lado e fui viver minha vida. Por diversas e diversas vezes sentia dentro de mim uma sensação de que deveria fazer algo, que o mundo estava ficando doente e que eu tinha alguma coisa para fazer com isto, mas resolvi também ignorar.


O tempo passou e eu fui apresentado para o Reiki, gostei demais e percebi que o mundo tinha muitas possibilidades, muito além do que eu tinha aprendido até o momento.

Logo em seguida, fui apresentado para uma outra religião, na qual se mostrou muito diferente das outras e então resolvi me aprofundar em seus ensinamentos.


Lá, aprendi a ter o foco no próximo, não em mim. E que sim, nascemos para servir o próximo e o planeta. Lindos ensinamentos e bem profundos, falando da conexão com o Divino... Realmente me aprofundei nas questões espirituais e energéticas, fiz cursos, horas e horas de atendimentos e servir, inclusive comecei a dar aulas de espiritualidade e estudos.


Porém, também percebi que tudo, absolutamente tudo o que o homem coloca a mão, há o ego. Logo percebi coisas extremamente rígidas e injustas, mas antes disto, percebia que meu coração não sentia mais a presença do divino nas práticas, nas aulas e etc. Passado alguns meses, uma briga política interna tomou a instituição e neste momento resolvi me afastar.


Neste longo período em que frequentei esta instituição (algo em torno de 14 anos), eu tive diversos insights e um deles é que não existe você cuidar das pessoas e não cuidar de você mesmo.


Negligenciar suas necessidades só te faz mais incapaz de perceber o quanto as pessoas estão precisando de ajuda. Você não consegue se sentir bem e nunca estará bem para tentar ajudar outra pessoa.

Muito se fala da felicidade, muitas pessoas buscam a felicidade e muitas delas já desistiram, e cada instituição que você frequentar, cada padre, ministro, bispo, pastor que você for, vai te dar a visão dele sobre a felicidade.


Dentro desta busca de me encontrar, eu, pela minha profissão e interesse pessoal, comecei a perceber o quanto as pessoas estão desnorteadas e o quanto elas precisam de exemplos (quase que inexistentes) para que possam seguir um feliz caminho em busca do seu auto descobrimento.


Gradativamente, resolvi me especializar não para virar exemplo para ninguém, mas sim para ajudar a guiar as pessoas em busca da auto realização e uma vida feliz.


Comecei a estudar incansavelmente, me aprofundei no reiki, terapias holísticas, terapia cognitiva e muitos outros para que eu pudesse ter um subsídio para alcançar o objetivo que mencionei acima.


Porém, desta vez, também olhando para minha evolução, para minha alimentação em uma viagem holística dentro de mim mesmo.


Estas descobertas não param, assim como minha sede de aprender. Ver pessoas sofrendo com depressão, desânimo, falta de incentivo, síndrome de ansiedade, burnout... enfim, uma infinidade de situações psicológicas, me faz cada vez mais ter vontade de ajudar.


Neste caminho, pude ver que por mais que você pense que sabe bastante e que está adiantado em algum assunto, tem muita, mas muita gente mais experiente e adiantada que você. Percebi também que no mundo há espaço para todo mundo e que nossa missão é realmente construir o mundo em que queremos viver. Cada igreja e instituição religiosa tem sua missão e cada uma ajuda um determinado tipo de pessoas de acordo com seu nível.


Hoje, aprendendo mais do que nunca, percebo que ajudar as pessoas também é muito relativo. Primeiramente, as pessoas precisam querer ser ajudadas e que podemos oferecer ajuda, mas nem sempre elas vão querer a sua ajuda.


Ajudar para cavar elogio também não é válido. A ajuda tem que vir de coração, com a mente em querer realmente transformar o mundo, entendendo que cada pessoa que se eleva, milhares se elevam junto, afinal, todos nós temos um universo dentro de nos e somo a soma de milhares de antepassados que ainda vivem em nós.


E o principal ensinamento é que não somos nós que ajudamos, nós somos meramente instrumentos da Força Maior. Nós nos preparamos, estudamos e nos colocamos a disposição, mas quem ajuda mesmo, quem nos utiliza é o Universo (Deus, Deusa, Alá, como quiser chamar).


Esteja disposto, se cuide e se liberte de qualquer amarra. Seja livre para ser utilizado de qualquer forma, nem sempre como você gostaria de ajudar é a melhor forma. Deixa o Universo falar com você, te instruir e logo sua missão aparece. Nem sempre você estará disposto, mas ultrapassar este sentimento é onde você terá seu grande desenvolvimento.


Nem sempre é você que vai ajudar alguém, mas por diversas vezes você pode plantar a semente e outra pessoa finaliza.


O trabalho espiritual, o trabalho holístico são muito gratificantes e tem o poder de fazer você aprender a cada dia, a cada minuto.


Levar uma vida espiritualizada nos dias de hoje não é fácil. As pessoas acham que você se alimenta de luz, não bebe, não ri, não transa e ainda te julgam quando te veem fazendo besteira. A única diferença de levar uma vida espiritualista é como a gente se coloca com relação as dificuldades do mundo, nossas e de outras pessoas.


Por diversas vezes, inclusive nos dias atuais, ainda sinto um certo receio de falar que sou espiritualista e que sou terapeuta holístico, pois já fui tratado bem diferente por causa disto, mas já resolvi isto dentro de mim.


Nós somos o que somos e não temos que ter vergonha disto em nenhuma de nossas camadas.


Desejo que você, que está lendo este texto até aqui embaixo e já pensou em desistir do seu caminho, que você tenha força de vontade e entenda que este mundo doente precisa de ajuda. Seja sua ajuda não comer carne, seja economizar água, seja tratar os outros através da medicina, através do abraço, o mundo precisa de você, o Universo precisa de você.


E se você pudesse viver a vida que sempre sonhou?


Encerrando assim, também desejo que seu coração se preencha de Luz e sabedoria e que você entenda que você pode e deve se livrar de seus bloqueios.


Assim seja.

Assim é.


Gratidão infinita!!!!!




38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Solidão